Acupuntura é aplicada à pacientes oncológicos da Unimed Vale do Aço

179

A Hope Oncologia e a Unimed Vale do Aço oferecem aos pacientes em tratamento sessões de acupuntura. Originária da China, a técnica natural milenar consiste na inserção de agulhas em algumas partes específicas do corpo, auxiliando na liberação de substâncias que geram bem-estar, retiram a dor, diminuem o stress, ansiedade, entre outros aspectos de risco para o câncer. No Vale do Aço, a unidade oncológica é pioneira no método que já é utilizado há cerca de dois anos.

- PUBLICIDADE -

“Para pessoas no tratamento do câncer, esse é um recurso novo, incipiente, e que ainda não é realidade em todos os centros oncológicos. Pesquisas tem mostrado que pacientes que se submetem a práticas integrativas como a acupuntura tem desfechos melhores do que os que não fazem. Não só por isso, mas porque ele acaba enfrentando melhor o tratamento e tendo menos efeitos tóxicos que são induzidos pelos procedimentos convencionais. É uma complementação terapêutica ao tratamento ofertado pelo oncologista com mais conforto e menos sinais/sintomas” afirmou Ana Carolina Lima Ramos Cardoso, enfermeira oncológica e acupunturista.

Segundo a profissional, a utilização do método na oncologia faz parte de uma análise clínica. “Na Hope começamos a introduzir essa prática como objeto de investigação, conduzido dentro do ambulatório. Um dos focos dessa pesquisa é tratar os efeitos colaterais tóxicos como a neuropatia induzida pela quimioterapia. Não existe um medicamento que trate ou faça prevenção desse efeito, há não ser observar e reduzir a dose da quimioterapia ou até suspender o tratamento, que não é o ideal. Esse projeto de investigação chamou a atenção da equipe médica, assistencial e dos pacientes. Estamos na fase coleta de dados, em que os pacientes estão sendo tratados com a acupuntura seja ela de forma tradicional ou por meio de laser de baixa intensidade, que ameniza o efeito indesejado das agulhas”, acrescentou a enfermeira.

Na unidade de oncologia da Unimed Vale do Aço, os pacientes que começam a apresentar os sinais da neuropatia causada pela quimioterapia são convidados a receber o tratamento com laseracupuntura. Em alguns casos, os encaminhamentos ocorreram após os médicos observarem os resultados da prática. “A partir dos dados coletados, a equipe médica passou a entender o funcionamento da acupuntura no tratamento dos efeitos colaterais e hoje em dia temos uma agenda sólida de atendimentos no ambulatório”, informou a enfermeira.

Em relação a dor eventualmente causada pelas agulhas, Ana Carolina Cardoso explicou que ela é mínima e que há outras formas de estimular os pontos no corpo. “Quase 100% da administração medicamentosa da quimioterapia é feita de forma venosa e por sofrerem muito com essas punções, os pacientes acabam se cansando das agulhas. Quando sugerimos o tratamento com laser, eles se sentem mais confortáveis e tendem a aceitar melhor. No entanto, o uso das agulhas na acupuntura não gera dor e sim sensações passageiras como dormência ou formigamento, mas que passam e que significam que o corpo está reagindo de maneira efetiva”, detalhou a enfermeira.

Nossa Oncologia

Na Unimed Vale do Aço, o centro de tratamento para pacientes com câncer é uma parceria com a Hope Oncologia. Criada em 2006, a Unidade de Oncologia Clínica, oferece o que há de mais avançado no tratamento do câncer e é formada por profissionais treinados nos melhores centros de tratamento de câncer do país e exterior. 

Sob a coordenação do Oncologista Clínico, Dr Alfredo Cardoso, unidade conta com uma equipe altamente especializada e preparada para receber pacientes com as mais diversas variações do Câncer. Com cooperados e colaboradores da assistência especializados e reconhecidos na região, a equipe é composta por três médicos oncologistas, enfermeiras, enfermeiras oncológicas, farmacêutico, farmacêutica oncológica e psicólogo.

A estrutura do centro de oncologia é dividida em área de atendimento geral, quimioterapia, armazenagem e diluição de fármacos especiais. Há um controle rigoroso no armazenamento, preparo e dispensação dos medicamentos, incluindo os quimioterápicos por via oral, que são mediados pela farmácia clínica. 

A unidade está localizada nas instalações do Núcleo de Especialidades e Diagnóstico – NED de Cel. Fabriciano. O horário de funcionamento é de segunda a quinta-feira, das 7h às 18h; e sexta-feira, de 7h às 16h.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui