Ajudôu publica Relatório de Transparência e impacto do ano de 2020

20
Além do esporte, o relatório de impacto e transparência traz informações sobre o trabalho humanitário do Ajudôu realizado em 2020.

Documento apresenta como a ONG impactou mais de 10 mil pessoas em 14 cidades de Minas Gerais. 

Nos últimos 3 anos, o Ajudôu vem aperfeiçoando sua gestão e credibilidade para conseguir impactar ainda mais a vida de crianças e adolescentes por meio do esporte. Como parte desse processo, a criação do relatório de impacto e transparência tornou-se uma peça fundamental por comunicar à comunidade e aos doadores de forma ativa os resultados das doações e do trabalho da nossa equipe.  

- PUBLICIDADE -

A publicação é um conjunto de informações e documentos cujo objetivo é dar transparência às ações realizadas pela entidade no ano corrente de 2020. É possível saber sobre as áreas  técnica e pedagógica,  gestão, comunicação, captação de recursos e trabalhos humanitários.

O ano mais desafiador da história do Ajudôu

O ano de 2020 foi muito desafiador para as ONGs, para o Ajudôu não foi diferente. A crise tornou ainda mais clara a importância de práticas de transparência para aumentar a confiabilidade dos apoiadores em sua atuação. 

As aulas dos projetos sociais-esportivos já haviam começado e os alunos estavam integrados às aulas. Entretanto, em março, quando a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou estado de pandemia no mundo todo, as aulas tiveram que ser paralisadas e sentimos que estávamos com as “mãos atadas” para realizar a principal função da ONG: ajudar o próximo.

Em meio à calamidade que atingiu a todo o mundo, precisamos nos reinventar e olhar para as pessoas de uma outra maneira. Em um momento tão difícil para tantas famílias, dentre ao desemprego, fome, e ao próprio vírus da Covid-19, voltamos as nossas forças para ajudar várias famílias. Graças a isso, mais de meio milhão de reais foram mobilizados e colocamos comida na mesa de mais de 8 mil pessoas.

Júlio César Lana Jaques, Fundador e Diretor Executivo do Ajudôu.

“Desde 1995, são mais de 30 mil crianças atendidas e muitos empregos gerados em mais de 40 cidades de Minas Gerais e outros estados. Vínhamos numa crescente de territórios e beneficiários atendidos, mas essa tragédia humanitária e sanitária, chamada Covid-19, nos pegou de jeito. Então, nós paramos, analisamos o contexto e, o mais importante, AJUDAMOS! Em menos de duas semanas nos reinventamos. Afinal, se não podíamos dar aulas de esporte, iríamos ajudar de outra forma!”, relatou o Fundador e Diretor Executivo do Ajudôu, Júlio César Lana Jaques.

Sobre o Ajudôu

O Ajudôu é uma Organização não Governamental, reconhecida pela utilidade pública nas esferas municipal e estadual. Foi fundado em 1995, em Timóteo-MG, e já atendeu mais de 30 mil crianças e adolescentes com aulas de judô e outros esportes gratuitamente. Atualmente, o Ajudôu está expandindo seus trabalhos para mais de 30 cidades em 4 estados diferentes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui