Comércio irá fechar no horário dos jogos da Copa  

309

 

Negociação entre sindicatos ainda definiu, em Ipatinga, o funcionamento até mais tarde em quatro datas especiais de 2018

- PUBLICIDADE -

IPATINGA – O comércio de Ipatinga não funcionará no horário dos jogos do Brasil na Copa do Mundo de Futebol da Rússia, cuja abertura será no próximo 14 de junho. Já na 2ª partida da seleção canarinho, dia 22 do próximo mês, uma sexta-feira, às 9h, contra a Costa Rica, o funcionamento das lojas será reduzido das 13h às 19h. No jogo contra a Sérvia, dia 27, às 15h, os empresários abrirão as portas somente das 8h às 14h.

A mesma negociação que definiu o funcionamento na Copa do Mundo também deliberou acerca do Horário Especial para este Dia das Mães. Na próxima quinta-feira (10) e na sexta (11), as lojas funcionarão das 9h às 20h; enquanto no sábado (12), o horário ampliado será das 9h às 17h.   

O Sindcomércio (Sindicato do Comércio Varejista e Atacadista de Bens e Serviços) do Vale do Aço e o Seci (Sindicato dos Empregados no Comércio de Ipatinga) assinaram a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) estabelecendo as diretrizes do funcionamento na Copa e nas datas especiais no final manhã desta sexta-feira (04).

Ficou definido, também, que no Dia dos Namorados as lojas abrirão até mais tarde na segunda-feira (11/06), das 9h às 21h; e na terça-feira (12), das 9h às 20h. Na véspera do Dia dos Pais, o Horário Especial será na sexta-feira (10/08), das 9h às 20h; e no sábado (11), das 9h às 17h. Para o Dia das Crianças, o funcionamento ampliado ocorrerá na quarta e quinta-feira (10 e 11/10), das 9h às 20h.

“O que foi firmado na CCT assinada nesta sexta-feira vale para o chamado comércio de rua, ou seja, de roupas, calçados, perfumarias, lojas departamentais etc. Com relação às lojas do Shopping Vale do Aço, aos supermercados e demais estabelecimentos do setor, ficou decidido o fechamento 30 minutos antes dos jogos do Brasil, com o compromisso de os empresários disponibilizarem um televisor ou telão de boa qualidade para que os funcionários assistam à partida no próprio posto de trabalho”, explica José Maria Facundes, presidente do Sindcomércio, acrescentando que lojas de material de construção, elétricas, de autopeças, vidraçarias, borracharias e similares devem liberar seus funcionários uma hora antes dos jogos.

Mesmos moldes

Ainda conforme o dirigente sindical, a CCT assinada na manhã desta sexta-feira segue os mesmos moldes das negociações feitas para a Copa do Mundo de Futebol que aconteceu no Brasil, em 2014. “Nas copas passadas, mesmo sem negociação, era comum o lojista liberar os seus funcionários para ver os jogos, de maneira que perdíamos essas horas não trabalhadas. Mas, agora, o empresário não terá mais prejuízo, pois conseguimos vinculá-las aos horários ampliados de datas especiais”, explica Facundes.

A Convenção Coletiva de Trabalho assinada entre os representantes dos empresários e dos comerciários está disponível em www.sindcomerciova.com.br.

Supermecados - Foto Emmanuel Franco (2)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui