Contém Cultura promove sessões de cinema literário

32

Exibição de filmes compõe a programação do Salão do Livro

 

BUGRE –  O Contém Cultura exibiu na tarde de ontem (12) uma série de filmes que compõem a programação do Salão do Livro, evento literário em cartaz no Centro Cultural Usiminas. As obras, cedidas pelo Sesc, foram apresentadas para alunos do 3º e do 4º ano das escolas da rede municipal.

A sessão trouxe o Programa Múmia, que reuniu curtas nacionais, como A Doida, Metamorfose,  O Projeto do Meu Pai e Caminho dos Gigantes; e o Programa Nueva Mirada 10, com curtas de vários países, como Sou Redondo, do sueco Adamson, e O Caçador de Frango, de Pascale Hecquet.

Hoje, a partir das 14h, o Contém Cultura exibirá o Programa Nueva Mirada 9, composto pelos curtas-metragens. Ormie, um filme que vem do Canadá e leva a assinatura de Rob Silvestri; Rodas, Curativos e Pirulitos, da espanhola Maria Medel; Kostya, um filme de Anton Dyakov, da Rússia; o argentino Lumi, de Martin Piana; A Aula de Natação, da belga Danny de Vent; Corrida, um filme da Letônia, assinado por Jãnis Cimermanis; o espanhol Grand Prix, de Marc Riba e Anna Solanas, e O Príncipe Rato, curta alemão de Albert Radl.

Encerrando a programação do Salão do Livro no Contém Cultura, a sala multicultural exibirá a partir das 14h do dia 14, sexta-feira, o Programa Minha Vida de Abobrinha(76 min), que traz da Suíça o filme Minha Vida de Abobrinhade Claude Barras. A obra fala de um garoto que descobre o significado da amizade após ser deixado em um orfanato.

REPERTÓRIO

Kely Karine, 9, aluna do 4º ano, disse que gostou muito da sessão especial do Salão do Livro. “Achei os filmes bem legais.  Agradeço muito ao projeto do Contém Cultura por essa iniciativa”.

Alana de Souza Silva, 9, outra aluna do 4º ano, também elogiou a programação. Questionada sobre qual o melhor filme exibido na sessão, a estudante disse que não sabe dizer, já que gostou muito de todos.

A professora do 3º ano, Silvana Souza Rezende, sublinhou que as atividades promovidas na sala multicultural, como a sessão de cinema literário, enriquece a educação. “Uma atividade como esta amplia o repertório cultural dos alunos, favorece o desenvolvimento de suas habilidades para a escrita, para a interpretação de texto, abre um leque muito grande de possibilidades para os alunos fazerem múltiplas leituras do que está sendo projetado ali na grande tela”. A educadora também observa que as atrações oferecidas pela sala multicultural promovem a cultura de forma prazerosa, integrando pessoas, “que também se divertem enquanto assimilam novos saberes por meio dos filmes. Nós, da Educação, somos muito gratos à Cenibra por presentear nossa cidade com esse projeto com o qual mantemos uma rica parceria”, conclui a educadora.

A proponente do Contém, Luciana Profiro, falou sobre a importância da programação para o  Contém. “Para nós, é uma honra ser contemplados como uma série de títulos dedicados ao público infantil que, com humor, oferecem boas lições de vida que estimulam o público a refletir sobre questões importantes, como a autoestima, o respeito pelo próximo. Essa mostra ajuda o nosso projeto a cumprir um dos seus principais propósitos, multiplicar a cultura audiovisual nas cidades de atuação da Cenibra, contribuindo para o desenvolvimento cultural e educativo da comunidade”.

 O Contém Cultura é patrocinado pela Cenibra, via Lei Federal de Incentivo à Cultura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui