Economia colaborativa cresce no Vale do Aço

309

Xah com Elas reunirá marcas independentes e tocadas por mulheres neste final de semana em Timóteo

Colaborar é um bom negócio. E um grupo de mulheres empreendedoras do Vale do Aço aposta nesta tendência de produção e consumo mais conscientes para apresentar suas marcas e proporcionar uma nova experiência de compra, conectando o público diretamente com quem produz ou oferta um serviço. O “Xah com Elas” é um movimento de marcas independentes, autorais e locais, e realizará mais um encontro no próximo sábado, 9/2, no Espaço Cultural Dom Henrique, em Timóteo.

Em sua primeira edição de 2019, o “Xah com Elas” vai reunir 10 marcas de moda e brechó, acessórios, artigos infantis, decoração, arte e artesanato, papelaria e gastronomia, além de parceiros que atuam no segmento do empreendedorismo criativo. Também haverá oficina “faça você mesmo” de acessórios para o carnaval. A entrada é gratuita. Já para a participação na oficina é necessária inscrição prévia, via Sympla (https://bit.ly/2SprNgt). O valor é R$ 30, incluso materiais, e as vagas são limitadas.

Jornalista e uma das idealizadoras da inciativa, Roberta Nobre destaca alguns diferenciais do Xah com Elas. “Além de encabeçado por mulheres, todas as marcas participantes e parceiros do coletivo têm os pilares da sustentabilidade presentes em seus negócios e no também no seu dia a dia. Acreditamos que é possível produzir e consumir melhor, ao usar de forma mais inteligente os recursos disponíveis, dividir espaços, conectar competências, compartilhar públicos e crescer todos juntos”, resume a empreendedora, que também é sócia do Movimento Paguh, um brechó que está entre as marcas participantes.

ECONOMIA COLABORATIVA

O Xah com Elas é um evento característico da economia colaborativa, um movimento que busca a consolidar uma nova percepção de mundo. A economia colaborativa representa o entendimento de que, diante de problemas socioambientais que se agravam cada vez mais, a divisão deve necessariamente substituir o acúmulo, seja para reduzir custos, fortalecer marcas e potencializar ganhos coletivos, incluindo os financeiros.

Jornalista, vegana e empreendedora, Marcele Pena esmiúça o conceito. “A economia colaborativa engloba vários modelos de negócios: locação, empréstimo, assinatura, revenda, troca e doações. Mas todos têm em comum a geração de valor ao potencializar o uso dos recursos, produzir conforme a demanda de reposição, reduzir a ociosidade e claro, a maior conexão entre empreendedor e consumidor”, explica a produtora do Livre Desodorante, marca de higiene pessoal artesanal.

PARCERIA GANHA-GANHA

A economia colaborativa movimenta anualmente US$ 15 bilhões em todo o mundo, segundo levantamento da consultoria britânica PWC. Estima-se que, até 2025, esse valor suba, significativamente, para US$ 335 bilhões. O Brasil ainda carece de dados, mas especialistas indicam que este modelo de negócio tem potencial para contribuir até 30% do setor de serviços. Os dados são de uma reportagem veiculada pela imprensa nacional e entidades de fomento ao empreendedorismo, dentre eles o Sebrae.

 

Entusiasta dos modelos de economia, e ciente do potencial de mercado, Andreia Magalhães, sócia-proprietária do Hotel Dom Henrique, abriu as portas do seu empreendimento para iniciativas deste tipo. De 2017 para cá, a empresa recebeu 55 eventos diversos nas áreas de cultura e da economia criativa e colaborativa, inclusive, com participantes internacionais. “Mais do que um Hotel, buscamos ampliar o seu uso também para eventos de promoção da cultura e empreendedorismo. Contamos com ampla infraestrutura e não fazia sentido deixá-la ociosa. Já realizamos 55 eventos como este e gostamos da iniciativa das meninas, que valoriza e fortalece a identidade local e ainda fomenta o empreendedorismo feminino. É a genuína parceria ganha-ganha”, finaliza Andreia.

SERVIÇOS

XAH COM ELAS

Sábado 9/2 | das 10 às 17h – Entrada Gratuita

Hotel Dom Henrique | Rua 15 de Novembro, 510, Centro Norte – Timóteo (MG)

MARCAS PARTICIPANTES

Lele Paper, Acessórios da Crespa, Caixa de Coisas, Ciranda de Soli, Sombrilha, Chitame Roupas Artesanais, Di Casa Comida Congelada, Movimento Paguh, Quitandas do Lar e Livre Desodorante.


OFICINA DE CARNAVAL

Brincos para folia. Inscrição via Simpla (https://bit.ly/2SprNgt). Valor R$ 30,00 (materiais incluso)

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui