Fabriciano reúne 4 mil pessoas na abertura da Campanha da Fraternidade

148

Coronel Fabriciano realizou nesse domingo, 18 um grande evento de abertura da Campanha da Fraternidade 2018. A prefeitura da cidade, que tem como meta de governo a prevenção de todas as formas de violência e ações que promovam a segurança e bem estar social, aderiu à campanha: “Fraternidade e superação da violência – Em Cristo somos todos irmãos (Mt 23,8)”, da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

A abertura oficial da campanha na região aconteceu no no Santuário Nossa Senhora da Piedade, no bairro Córrego Alto, um dos locais mais visitados pelos católicos. O prefeito Dr. Marcos Vinicius e o Secretário de Governança do Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cultura, Leandro Xingó – Xingozinho, participaram da celebração e reafirmaram o apoio do poder público à Diocese Itabira-Fabriciano para que o tema em pauta se efetive em ações práticas no município.

- PUBLICIDADE -

O prefeito Dr. Marcos Vinicius destaca as ações da administração municipal para combater a violência na cidade. “Temos atuado em parceria com a Polícia Militar e pudemos constatar que os índices de violência em nossa cidade já diminuíram. Por outro lado, investimos em projetos voltados para a infância. Nós sabemos que os resultados vêm a longo prazo, mas acreditamos que podemos salvar muitas crianças da marginalidade dando a elas oportunidades hoje, de brincar, estudar e ter uma profissão”, conclui.

O secretário Leandro Xingó completou dizendo que todas as formas de violência, e não só a física, devem ser coibidas. Mas para o sucesso e o bem de todos, é preciso que a comunidade em geral abrace a causa e pratique a ações justas e respeitosas com o seu próximo no dia-a-dia. “É oportuna discussão levantada pela CNBB, ainda mais na atual conjuntura que vive o Brasil. É um tema que envolve todos e nos pede um olhar especial, repensar as atitudes e como posso colaborar. Não podemos deixar que uma minoria – a que pratica a violência – sobreponha a grande maioria, que busca o bem”, pontua Xingozinho.

A missa reuniu milhares de fiéis e envolveu as Paróquias de Coronel Fabriciano e região. A missa foi presidida pelo Vigário Episcopal da Diocese Itabira-Fabriciano, Padre Pascifal, que também atua na Igreja Católica do Timirim, em Timóteo. No Vale do Aço, a programação da Campanha da Fraternidade contará com missas, fóruns de discussões, grupos de debates etc. Para participar, basta procurar a Paróquia mais próxima e se informar sobre o calendário de atividades.

DSC_0095

NÃO À VIOLÊNCIA

A Campanha da CNBB deste ano fala sobre “Fraternidade e superação da violência. A mobilização aponta, principalmente, os altos índices de mortes violentas no país. Em 2016, o Brasil teve sete casos de mortes violentas por hora, totalizando 61.619 registro só naquele ano – um aumento de 3,8% em relação a 2015. Os dados são do Anuário Brasileiro de Segurança Pública, lançado em 2016. Mas a campanha também lança uma reflexão não apenas a violência física, mas todo o conjunto de agressões contra a vida humana que são praticadas, a cada dia, sobretudo contra os menos favorecidos.

O vigário da Diocese Itabira-Fabriciano, Padre Aloísio, que também participou da missa de abertura da Campanha ressalta que a “Cultura de Paz” é uma busca incessante da Igreja Católica. “A cultura de paz é uma construção coletiva da sociedade, e passa pela tomada de consciência da violência, em todas as suas formas. A Campanha da Fraternidade lança luzes sobre o tema e promove as discussões. Mas é fundamental o envolvimento de todos nesta caminhada”, finaliza o Padre Aloísio.

DSC_0165

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui