FIEMG promove debates sobre Atendimento a Acidentes no Transporte de Produtos e Resíduos Perigosos

69

Cerca de 40 pessoas estiveram reunidas no auditório da FIEMG Regional Vale do Aço, na manhã do dia 04/08, para um workshop sobre as obrigações previstas na Lei nº 22.805 de 2017, que estabelece medidas relativas a acidentes no transporte de produtos ou resíduos perigosos em Minas Gerais.

O Workshop foi destinado às empresas e/ou pessoas que transportam ou contratam transporte de produtos e resíduos perigosos, como indústrias, postos de combustíveis, entre outros.

- PUBLICIDADE -

A FIEMG está promovendo este workshop em todas as suas Regionais e conta com as parcerias da Comissão Estadual de Prevenção, Preparação e Resposta Rápida a Emergências Ambientais com Produtos Perigosos – CE P2R2 Minas, da Federação das Empresas de Transportes de Carga do Estado de Minas Gerais – Fetcemg e do Sindicato das Empresas de Transportes de Carga do Estado de Minas Gerais – Setcemg.

Durante o evento, foram apresentadas e discutidas as muitas determinações previstas na Lei, entre elas a obrigação dos transportadores desses produtos de manterem um serviço de atendimento a emergências capaz de iniciar as primeiras ações em até duas horas após a ocorrência do acidente; ações de remoção dos resíduos e de descontaminação do ambiente do entorno do local do acidente em até 24 horas após a conclusão das atividades previstas nas primeiras horas, entre outras.

Para a assessora jurídicoambiental da Fetcemg e Setcemg, Juliana de Oliveira Soares, as dúvidas mais frequentes são relacionadas ao tempo da informação e primeiras ações a serem tomadas após um acidente. “As pessoas ainda confundem esta informação. Após um ocorrido, a informação para o Núcleo de Emergência Ambiental deve ser imediata, já as primeiras ações podem ser realizadas em até duas horas após o acidente”, explica.

A assessora ainda alerta: “é necessário que o transporte seja realizado da maneira mais segura e eficiente possível, pois um acidente ambiental gera um prejuízo muito grande tanto para a sociedade quanto para a empresa”, disse.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui