Ipatinga sedia etapa regional de Campeonato Brasileiro de Handebol

15

Competição tem participação de equipes de Minas, Rio de Janeiro e São Paulo

- PUBLICIDADE -

Começou nesta quarta-feira (8), no ginásio poliesportivo Ely Amâncio, do Centro Esportivo e Cultural Sete de Outubro, no bairro Veneza I, a etapa regional do Campeonato Brasileiro de Clubes de Handebol, que reúne atletas masculinos e femininos da categoria Cadete. A competição prossegue até o próximo domingo, 12 de setembro.

Os representantes de Ipatinga disputam a classificação à fase nacional, que será realizada em Recife/PE, a partir de 19 de outubro. Participam da competição na cidade cinco equipes no masculino e duas no feminino. Ao todo, serão disputados 13 jogos, entre times do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais.

O projeto Hand 7 é de Ipatinga, da Associação Esportiva e Recreativa do Novo Cruzeiros (AERNC) e atua em núcleos de cidades mineiras, o idealizador e coordenador Edson Assunção ressalta a alegria de fazer parte desse projeto. Na oportunidade a Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer (SEMCEL) ressalta ainda que Ipatinga (MG) está sendo representada pela equipe Hand 7, no masculino e no feminino, e pela Associação Esporte Solidário Gustavo Elias (AESGE), de Pompéu, da microrregião de Três Marias, no masculino. 

O Secretário municipal de Cultura, Esporte e Lazer -SEMCEL, Alessandro Máximo, ressalta a importância de sediar um evento tão importante e representativo na região. “Ipatinga sempre foi um celeiro de atletas de diversas modalidades, o executivo fica lisonjeado de sediar a etapa regional do Brasileiro de Handebol. Desejamos bons jogos às equipes, em especial aos representantes de Ipatinga. Nossa gratidão aos responsáveis pelo projeto hand 7  que desenvolve o ensinamento da modalidade com maestria em nossa cidade”.

De acordo com a organização do evento, os jogos seguem todos os protocolos e critérios sanitários de prevenção contra a Covid-19. A disputa é promovida pela Confederação Brasileira de Handebol, que elaborou regras específicas relacionadas à área de saúde para viabilizar a competição. “A segurança dos atletas, da comissão técnica de arbitragem e de todos envolvidos no evento é prioridade”, conforme

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui