Justiça realiza audiência com a Vale nesta quinta

8
Audiência de conciliação tratará das ações coletivas relacionadas aos danos causados com o rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão

Duas testemunhas da Vale serão ouvidas; fornecimento de água também está na pauta

- PUBLICIDADE -

Será realizada nesta quinta-feira (13/2), às 13h30, mais uma audiência de conciliação e instrução com a Mineradora Vale. A audiência se refere às ações coletivas a respeito dos danos causados com o rompimento da barragem de rejeitos da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, em janeiro de 2019, e será realizada no Fórum Unidade Raja Gabaglia. Os trabalhos serão presididos pelo juiz Elton Pupo Nogueira.

Na audiência, serão ouvidas mais duas testemunhas da Vale e discutida a atuação das assessorias técnicas. Haverá, ainda, nova discussão sobre as medidas adotadas ou a serem adotadas pela Vale para evitar problemas no fornecimento de água.

Sentença

Última audiência conduzida pelo juiz Elton Pupo Nogueira

A Vale foi condenada em 8 de julho de 2019 a reparar todos os danos causados pela tragédia do rompimento da barragem. Os trabalhos seguem para apuração mais específica dos danos.

Veja as principais ações já definidas.

Em razão da Resolução 906, que altera as competências de algumas varas, o processo tramita agora na 2ª Vara da Fazenda Pública e Autarquias.

Processos nº:

5010709-36.2019.8.13.0024,

5026408-67.2019.8.13.0024

5044954-73.2019.8.13.0024

5087481-40.2019.8.13.0024

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui