Municípios do Vale do Aço debatem implementação do Currículo Referência

11
_Reunião envolveu educadores da rede municipal e da SRE-MG das três cidades do Vale do Aço

Reunidos no auditório do Centro Administrativo Mariano Roque Pires, da Prefeitura de Coronel Fabriciano, representantes das Secretarias Municipais de Educação e Superintendência Regional de Ensino das cidades de Coronel Fabriciano, Ipatinga e Timóteo, organizaram e discutiram na última terça-feira, 11, a implementação do Currículo Referência de Minas Gerais nas escolas da região. Esta foi a primeira formação de multiplicadores visando a implantação do CRMG. 

- PUBLICIDADE -

O novo currículo traz mudanças importantes na Educação Infantil e Ensino Fundamental o 1º ao 9º ano, tendo como origem a Base Nacional Comum Curricular (BNCC). O currículo já está sendo implementado e precisa da ação efetiva dos municípios por meio de multiplicadores, que estão passando por capacitações específicas para que possam colocar em prática as novas orientações. 

O Secretário de Governança Educacional de Coronel Fabriciano, Professor Carlos Alberto Serra Negra, ressalta as vantagens do currículo. “É um documento que trata dos conhecimentos, atitudes e habilidades específicas. Ele foi uma construção coletiva dos municípios numa atuação conjunta entre Secretaria Estadual de Educação e União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação – UNDIME. É bem melhor com ele. Imagina se cada rede municipal fizesse o seu?”, indagou. 

O documento foi amplamente discutido com educadores e especialistas da área de educação. A primeira mudança é o fato de o currículo valorizar as habilidades próprias e os anos de escolaridade, levando em conta o que o estudante aprendeu durante o ano.

Outra mudança é a inclusão da Arte como componente fixo em todos os anos de escolaridade. Antes, a escola determinava em qual ano ofereceria o componente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui