Outubro Rosa: prevenir é cuidar!

32

Mulheres de todas as idades lotaram o Plenário da Câmara Municipal de Ipatinga para participarem de palestras voltadas a causa do Outubro Rosa. O evento, que foi uma parceria entre a Casa Legislativa, a Unimed Vale do Aço e a Unimag, trouxe para o debate a importância da conscientização, da prevenção e do diagnóstico precoce do Câncer de Mama.

- PUBLICIDADE -

A atividade, que envolveu servidoras da Câmara e a comunidade, contou com a palestra do cooperado Thayles Moraes, da Hope Oncologia. Durante sua fala, o médico reforçou a importância da mulher se cuidar. “Conhecer o próprio corpo é o pontapé inicial da prevenção. Muitas mulheres vivem com o câncer e não sabem, seja por não se conhecerem, seja por não procurarem o médico com frequência. Queremos que as pacientes portadoras dessa neoplasia cheguem ao consultório com a chance de vencer e superar a doença, porém, é fundamental que elas se cuidem, se preocupem com a própria saúde”, enfatizou o médico.

A Pesquisa Nacional de Saúde, divulgada nos últimos anos com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostra que 40% das brasileiras de 50 a 69 anos não fazem mamografia. O exame é tido como prioritário para a detecção do câncer de mama, e a meta da Organização Mundial de Saúde (OMS) é de que pelo menos 70% das mulheres o realizem todo ano. Segundo a pesquisa, o maior número de mamografias foi realizado por mulheres com ensino superior completo (80,9%). Já as com ensino fundamental incompleto foram apenas 50,9%. 

A biomédica imagenologista e técnica em radiologia médica da Unimag, Eliane Drumond, falou sobre o exame de mamografia e os mitos em torno do procedimento. “A mamografia é o exame mais eficaz para diagnóstico precoce do câncer de mama, pois tem a capacidade de detectar lesões mínimas antes da sua manifestação clínica, ou seja: antes que se torne palpável. Apesar de temido pelas mulheres, é um procedimento de dor tolerável, que não causa câncer após sua realização e não potencializa a doença naquelas que já portam. Há muitos mitos em torno do exame, mas que devem ser deixados de lado, uma vez que ele não é o vilão da história, mas sim o aliado da mulher”, afirmou.

O Grupo Se Toque, que é a casa de apoio ao paciente oncológico em Ipatinga, também participou do evento, falando sobre sua atuação na região. Já os palhaços do Grupo Expresso Graça ficaram por conta da diversão e interação com os participantes. 

Durante todo o mês de outubro, a Unimed Vale do Aço e a Unimag realizarão uma série de atividades para a comunidade e para seus colaboradores. O foco da Singular é se unir a causa do Câncer de Mama, por meio de sua campanha “Outubro Rosa: prevenir é cuidar!”, e conscientizar às mulheres sobre a importância do autocuidado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui