Reunião com IMAG define pela suspensão da cobrança de R$ 3 de multa no Faixa Azul

120

Uma reunião realizada no fim da tarde desta sexta-feira (3) envolvendo representantes da Prefeitura de Timóteo, vereadores e o Instituto Maçônico de Gestão de Projetos Sociais (IMAG) chegou a um consenso de suspender temporariamente a cobrança de multa no valor de R$ 3 para os motoristas que ocuparem vaga no sistema rotativo de estacionamento Faixa Azul.

- PUBLICIDADE -

O encontro foi realizado para fazer um balanço do primeiro mês de funcionamento do sistema, que foi modernizado a partir do dia 2 de abril. Também foi informado pelos representantes do Instituto que no primeiro mês foram arrecadados cerca de R$ 60 mil para uma despesa de aproximadamente R$ 79 mil.

Além do prefeito de Timóteo Douglas Willkys participaram do encontro os secretários municipais Jair Ribeiro (Governo e Comunicação), Sérgio Martins (Obras), Thiago Castro (Corregedor-Geral); os vereadores Pastora Sônia Andrade; Raimundo Nonato, o Raimundinho; Geraldo Gualberto; Alexandre Maria; Geraldo Moreira Nanico; Leanir José de Souza, o Zizinho; Fábio Campos Binha; Moacir de Castro, Luiz Perdigão e Wladimir Careca.

Durante a reunião foram apontados os problemas do novo sistema, bem como as reclamações e também pedidos de esclarecimentos. Todos os presentes foram unânimes que a reorganização do Centro Norte, incluindo a rotatividade no uso das vagas de estacionamento, é necessária, mas que era preciso um tempo maior para que a população assimilasse as modificações introduzidas com a utilização das ferramentas tecnológicas.

“A maior parte dos usuários acha que o valor cobrado pela vaga é de R$ 3 e não de R$ 2”, explicaram os vereadores. O valor de R$ 3 é como se fosse uma multa aplicada ao motorista que não acione o monitor para comprar o valor referente ao tempo de uso, ou que tivesse créditos baixados por meio de aplicativo para ser descontado pelo período na vaga. Num prazo de 3 dias caso o motorista não quitasse o valor a notificação se transformaria em multa e na retirada de pontos da carteira de habilitação.

 

Num prazo de 45 dias, uma nova reunião será agendada para reavaliar a situação do estacionamento rotativo em Timóteo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui