Simulação de combate a incêndio e evacuação treina colaboradores da Unimed

365

O setor administrativo foi o local definido para realizar o simulado de sinistro e evacuação, do  Hospital Metropolitano Unimed – HMU. O treinamento realizado na última sexta-feira (23/11), pelo Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho – SESMT, reuniu brigadistas do hospital e contou também com o apoio do Corpo de Bombeiros de Cel. Fabriciano.

Eram 9h20 quando os primeiros sinais de fumaça apontaram no setor administrativo. O alarme foi acionado e imediatamente o líder brigadista Pedro Paulo Costa reuniu a equipe para identificar os primeiros indícios do foco de incêndio e evacuar o local.Em seguida a equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada. Em uma ocorrência real, a situação poderia causar pânico no ambiente hospitalar, mas o propósito do simulado foi preparar os colaboradores, caso haja um caso verídico de incêndio.

- PUBLICIDADE -

Cerca de 15 brigadistas, (dos 126 treinados na estrutura) e colaboradores do SESMT, participaram da ação, cada um com uma missão durante a ocorrência. Paciente fictício, máquina de fumaça, extintor, duas viaturas do Corpo de Bombeiros (ambulância e carro de incêndio), militares vestindo equipamentos de segurança indicados para caso de sinistro; tudo para tornar a situação ainda mais real. A vítima atendida na ação foi socorrida e encaminhada para o Pronto Atendimento do HMU.


“O objetivo dessa ação, além atender uma exigência da Agência Nacional de Acreditação – ONA, é também testar a habilidade dos brigadistas do HMU. Nós da área de saúde lidamos com pacientes, médicos, colaboradores, por isso é importante as pessoas saberem como se comportar diante de uma situação de sinistro. O nosso próximo simulado será aplicado na área assistencial,” ressaltou o técnico de Segurança do Trabalho responsável pela atividade – Wadson Arcanjo da Silva.

Para o Tentente do Corpo de Bombeiros Wildermaque Ferreira Costa, que avaliou o desenvolvimento da atividade, o teste é uma oportunidade de fazer levantamentos daquilo pode ser melhorado e pontuar o que já está dando certo. “Nós percebemos que houve bastante fluidez na retirada do pessoal, situação que a gente constata porque existe uma equipe de brigada de incêndio treinada, e percebemos também alguns imprevistos, onde vimos a necessidade de melhorar.
Ao final, o Tenente dos Bombeiros reuniu colaboradores, brigadistas e fez uma avaliação da ação e o desempenho dos envolvidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui