UBS’s de Ipatinga adotam novos critérios de atendimento em função do avanço da Covid-19

35

Diante da necessidade de novas ações preventivas para minimizar o avanço do Coronavírus na cidade, a Prefeitura de Ipatinga, por meio da Secretaria de Saúde, informa que a partir da próxima segunda-feira (1/6) as 21 Unidades Básicas de Saúde do município irão sofrer alterações no atendimento à população. O objetivo é restringir ao máximo o número de acolhimentos nas UBS’s, evitando aglomerações e outras situações propícias a contágio. 

- PUBLICIDADE -

As salas de vacinas e de curativos são uma exceção, e seu funcionamento prossegue dentro da normalidade. 

A diretora do Departamento de Atenção Básica (DAB), Cíntia Barbeta, explica que aqueles pacientes que estejam em situação que não requeira isolamento social e necessitem ir até alguma unidade para casos de urgência ou emergência serão avaliados por uma equipe de saúde e terão atendimento e encaminhamento caso necessário. 

“Não estamos suspendendo os atendimentos das Unidades Básicas. O que a Secretaria de Saúde está realizando é uma alteração no sistema convencional de atendimento, visando justamente à segurança da comunidade. Nos últimos dias, Ipatinga tem registrado um crescimento exponencial no número de casos positivos e vem enfrentando uma alta taxa de ocupação dos leitos. Diante desse cenário, é preciso ter maiores cuidados em relação aos locais de maior circulação de pessoas”, esclareceu a diretora do Departamento. 

Coronavírus

Mesmo com as restrições de atendimento, as Unidades de Saúde ainda são o local de referência para aqueles pacientes com suspeita de Covid-19. 

Cada Unidade Básica de Saúde já tem disponível uma equipe da Estratégia Saúde da Família (ESF), que é a referência em atendimento à Covid-19.   Esses profissionais ficam em um lugar isolado dentro da unidade, onde permanecem paramentados para o atendimento exclusivo das demandas de Coronavírus. 

Atendimentos

Pacientes crônicos que estejam com estado de saúde controlado terão as consultas suspensas. Para aqueles que apresentem quaisquer sintomas, o atendimento ocorrerá por agendamento. 

Outra restrição é para os recém-nascidos. Somente serão agendados os atendimentos para consultas aqueles que apresentarem risco, ou seja, doença grave ou algum tipo de deficiência. 

Os exames preventivos serão suspensos, exceto para aquelas mulheres que necessitam de sua realização em caráter de urgência. 

O município mantém o atendimento de pré-natal para mulheres grávidas. Contudo, estão sendo avaliadas as orientações preconizadas pelo Ministério da Saúde até o nascimento do bebê. 

“Com todas essas restrições, a orientação é que as pessoas que precisem realmente ir à UBS levem acompanhante somente em casos de extrema necessidade. Além disso, devem usar máscaras e respeitar as demarcações de solo para distanciamento”, orienta a diretora Cíntia Barbeta. 

Farmácia

Atualmente, existe uma nota enviada pela assistência farmacêutica que prevê a extensão da validade de receitas. Essa é uma prática já adotada pelas UBS’s, para evitar que o paciente precise se deslocar até a unidade. 

Porém, se mesmo com a extensão do prazo houver necessidade da troca de receitas, a recomendação é que o paciente deixe a receita na unidade e depois retorne para buscá-la. Essa medida é para evitar que o munícipe permaneça esperando pelo serviço dentro da unidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui