Unimed Vale do Aço promove ações do Novembro Azul entre colaboradores

293

Para reforçar à importância da prevenção ao câncer de próstata, a Unimed Vale do Aço realizou durante o mês de novembro, ações em alusão a data que levaram mensagens de orientação aos colaboradores. A primeira atividade foi o Desafio Novembro Azul Unimed, que termina nesta sexta-feira 30/11. Durante uma semana, os colaboradores foram convidados a produzir uma foto em referência a data, as mesmas foram postadas na fanpage da Cooperativa. As três fotos mais curtidas serão premiadas.

- PUBLICIDADE -

Sede Administrativa

Na sede administrativa, o Comitê de Integração realizou na sexta-feira dia 23/11, um momento de bate-papo sobre saúde e prevenção. Durante o encontro, o oncologista Dr. Flávio Dias tirou dúvidas e orientou os participantes, durante um momento reservado somente para os homens. Como incentivo ao cuidado com a saúde foram oferecidos lanches saudáveis, pela empresa Frutas Vale do Aço, e ainda foi realizado entre os participantes, avaliações de bioimpedância para calcular a composição corporal: índice de gordura, massa magra e muscular, IMC e gordura visceral; com a nutricionista Luciana Ferreira da O2 Academia.

“Uma palestra muito proveitosa, pois foi retratada a importância da prevenção e fatores de risco, além de responder uma série de perguntas proferidas pelos participantes que ajudou ainda mais no enriquecimento do assunto.” disse Fabrício Vieira – Controladoria

“O bate-papo com o Dr. Flávio Dias sobre saúde foi ótimo, com ares de informalidade, mas altamente técnico, preciso e esclarecedor em seu conteúdo. Entendemos melhor a importância da prevenção de doenças e aprendemos que com saúde não se brinca!” ressaltou Ademilson de Jesus – Tecnologia

HMU

O Hospital Metropolitano – HMU, também recebeu atividade do Novembro Azul. Na última segunda-feira dia 26/11, o SESMT promoveu uma palestra no auditório para os colaboradores. Homens e mulheres reunidos para aprender mais sobre o valor da prevenção, de fazer o acompanhamento periódico, de acordo com a idade do homem.

O convidado para orientar os participantes foi o urologista Dr. Eduardo Pereira. Segundo o especialista, o câncer de próstata, se diagnosticado precocemente tem cerca de 90% de chance de cura, e os que são descobertos tardiamente têm mais chance de complicações. “Infelizmente ainda há uma certa restrição da conscientização dos homens quando o assunto é prevenção, embora já tenha melhorado muito. É importante a participação das mulheres nessas ações porque elas ajudam a orientá-los.” ressaltou Dr. Eduardo.

O homem, não só os mais jovens, como também os mais experientes precisam parar com o preconceito. Nós temos que seguir às orientações dos médicos, pois o câncer é uma doença que mata, por isso devemos nos atentar para os cuidados desde já.” declarou Alysson Melo Luciano – Transporte.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui