PERD realiza melhorias na área de banho do lago Dom Helvécio

Área de banho ficará interdidada de 22 de janeiro a 2 de fevereiro para instalação subaquática de tela de proteção
PUBLICIDADE

O Parque Estadual do Rio Doce – PERD, além de ser um refúgio para diversas espécies da fauna e flora da Mata Atlântica em Minas Gerais, também é um local de descanso e lazer cada vez mais procurado por turistas mineiros e de fora do estado. Buscando melhorias contínuas no atendimento aos visitantes, a gestão do PERD tem realizado uma série de manutenções e reformas em suas estruturas e agora revitalizará a tela de proteção aos banhistas no lago Dom Helvécio. O serviço será executado por meio do Termo de Parceria nº 51/2021 Instituto Estadual de Florestas – Instituto Ekos Brasil.

Por isso, do dia 22 de janeiro a dois de fevereiro a área de banho do lago Dom Helvécio estará interditada para a instalação subaquática da tela de proteção aos banhistas. A tela feita de aço inoxidável tem comprimento total de 160 metros e irá proteger área de banho de 3.000m². Além da instalação, a tela contará com manutenções preventivas periódicas a cada semestre. A empresa responsável pelo serviço conta com equipe de especialistas, inclusive com mergulhador profissional para realizar a etapa de submersão e fixação da tela. 

A tela dará proteção integral aos turistas contra possíveis acidentes com piranha
- PUBLICIDADE -
Giganet
Sesi – Senai
AAPI
Câmara Ipatinga
FSFX
SVA
Copasa
Usiminas
Unimed Vale do Aço
PMI VACINAÇÃO

Proteção aos banhistas

O lago Dom Helvécio, assim como outros lagos e lagoas da região, sofre com a invasão de peixes exóticos predatórios e, por vezes, agressivos até para o ser humano, como é o caso da piranha (Pygocentrus nattereri). Apesar de não haver registros recentes de acidentes com piranhas aos banhistas na área de banho do lago Dom Helvécio, a gestão do PERD, em atenção aos seus visitantes, optou pela instalação da tela para proteção integral contra qualquer possível acidente decorrente da interação banhista – piranha.

Além disso, a pescaria de peixes exóticos no lago Dom Helvécio também é incentivada como manejo desse tipo de espécie, com a finalidade de controlar as populações de piranha, tucunaré (Cichla kelberi) e acará-da-amazônia (Astronotus crassipinnis). Como forma de fomentar a pesca no lago, o PERD oferece por meio de empresas autorizadas, o serviço de aluguel de embarcações.

Mais novidades

Em 2024, celebramos os 80 anos de criação do Parque Estadual do Rio Doce e para comemorar esta importante data, as áreas de churrasqueira, camping e praia têm sido objeto de novos investimentos de manutenção e reformas desde o segundo semestre de 2023, como a construção de novas mesas na área de churrasco, manutenção dos banheiros e vestiários do camping, construção do pergolado da praia, instalação de redários e outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui