Prefeitura de Fabriciano e Unimed apresentam estrutura para abrir novos leitos COVID-19 para atender o Vale do Aço  

PUBLICIDADE

Em visita ao antigo Hospital Unimed Vale do Aço (HUVA), a Prefeitura de Fabriciano e a Unimed Vale do Aço colocaram a disposição do governo do Estado uma área construída de quase sete mil metros quadrados com capacidade para implantar até 100 novos leitos emergenciais para tratar paciente com Covid-19. 

Estiveram presentes na visita o prefeito de Coronel Fabriciano, Dr. Marcos Vinicius; diretor presente da Unimed Vale do Aço, Dr. José Maurício; Ernani Duque superintendente Regional de Saúde de Minas Gerais (SRS-MG); secretário de Governança da Saúde, Ricardo Cacau. Os presentes constataram que a área oferecida tem totais condições de receber os novos leitos. 

- PUBLICIDADE -
AAPI
PMI VACINAÇÃO
Câmara Ipatinga
SVA
Copasa
Unimed Vale do Aço
Sesi – Senai
FSFX
Usiminas
Giganet

A disponibilidade de leitos, sobretudo de UTI, tem sido um grande gargalo no enfrentamento ao Covid-19. No Vale do Aço, todos os hospitais já anunciaram que a taxa de ocupação está próxima de 100%.

“Agradecemos primeiramente a Unimed por nos disponibilizar este espaço para a criação de novos leitos, lembramos que eles só serão possíveis caso o Estado deseje habilitar pelo SUS Fácil e envie os recursos para custeio e contratação de pessoal”, avaliou o prefeito Dr. Marcos Vinicius. 

Dr. Marcos também comentou sobre a adesão obrigatória do município à “Onda Roxa”. “A partir do momento em que o município é acionado judicialmente e colocado na ‘Onda Roxa’, as políticas públicas de saúde passam a depender unicamente do Estado. Então é preciso que o governo se prepare e ofereça melhores condições para os municípios trabalharem no combate ao vírus”, finaliza.

Já Dr. José Maurício, da Unimed, destacou a importância de firmar parcerias neste momento crítico e de crise sanitária. “Somos atentos à situação do país e do nosso estado. Por essa razão, vamos unir forças com os órgãos públicos para que novos leitos sejam habilitados na região e que mais pacientes, dentro da demanda e da necessidade, sejam atendidos e vidas sejam salvas”, afirmou.

ÁREA DISPONÍVEL

O antigo Hospital Unimed Vale do Aço (HUVA) está localizado na Rua Ipanema, no Centro de Coronel Fabriciano. O espaço está desativado desde 2015, quando a estrutura hospitalar da cooperativa foi transferida para o Hospital Metropolitano, no Santa Teresinha. Hoje, apenas o laboratório de imagens funciona no local, ocupando 500 metros quadrados da estrutura total com mais de sete mil metros quadrados. O antigo hospital da unidade conta cinco andares, área de enfermarias, elevadores, seis salas cirúrgicas e capacidade para instalação de cerca de 100 leitos.

PREFEITURA JÁ AMPLIOU LEITOS 

Desde o início da pandemia, a Prefeitura de Coronel Fabriciano, por meio da Secretária de Governança da Saúde, vem buscando alternativas para ampliar o número de leitos disponíveis na cidade. De março de 2020 até hoje, o município já colocou em funcionamento 45 novos leitos COVID-19 e, se antecipando à possível necessidade de novas vagas. 

Destes 45 leitos, 20 foram solicitados pelo Estado no último domingo, 21, estão em processo de credenciamento no SUS Fácil, mas já foram cedidos de imediato pela Prefeitura e estão em funcionamento. Além disso, o município conta com uma reserva de leitos – prontos para ser colocados em funcionamento – para atender um eventual crescimento de casos na cidade. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui