Teatro para Bebês entra em cena a partir desta semana

O DaMa Espaço Cultural dá início à programação do projeto Teatro para Bebês, viabilizado por meio do patrocínio da Usiminas e apresenta uma programação de atividades culturais que buscam introduzir bebês de 0 a 3 anos no universo da arte

A partir desta semana pais, cuidadores, educadores, profissionais e estudantes universitários das áreas da saúde e humanas participam de um projeto inédito na região do Vale do Aço. É o “Processos de Formação e Montagem de Espetáculo – Teatro para Bebês” que apresenta uma intensa programação cultural, composta por palestras, oficinas e espetáculo, voltados para a primeiríssima infância.

O projeto é viabilizado pelo patrocínio da Usiminas, com apoio do Instituto Usiminas, utilizando os benefícios da Lei Estadual de Incentivo à Cultura e a realização é do  DaMa Espaço Cultural e Governo de Minas Gerias. As atividades gratuitas vão circular por Timóteo e Ipatinga em creches, escolas e entidades que atendem crianças desta faixa etária. 

Daniela Alves, atriz e produtora executiva do projeto, destaca que a proposta é oferecer um mergulho no universo da primeiríssima infância por meio de processos formativos e atividades artísticas. “As ações propostas pelo projeto buscam introduzir bebês de 0 a 3 anos no meio da arte, permitindo que interajam com o ambiente, experimentem sensações de prazer e bem-estar. De forma lúdica, música, sons e poesia entram em cena para estabelecer uma relação de troca e compartilhamento entre os bebês e seus cuidadores”, salienta a atriz. 

O projeto

Daniela destaca que tudo começou com sua experiência da maternidade. “ Sou mãe do Pedro, do Romeu e da Rafa, que embora não tenha ficado aqui comigo nesse plano, transformou a minha vida. Quando o Pedro nasceu comecei a compartilhar com ele tudo que eu podia, do mundo das artes: exposições, espetáculos de dança, teatro e livros. Lia muito para ele. Passei a observar que ele sempre estava com os olhinhos atentos. Com Romeu, que nasceu um ano e meio depois, eu e meu marido fizemos da mesma forma”, salienta a atriz.

Na vida profissional a atriz observa que, a partir de 2010, ela e sua parceira Mari Antonacci começaram a produzir no DaMa espetáculos para as infâncias e a curiosidade das duas em desenvolver um trabalho voltado para a faixa etária de 0 a 3 anos só aumentou. Mari aponta que  seu trabalho com montagens de espetáculos de encerramento de ano letivo para a educação infantil, somado com a chegada de dois afilhados, Otto e Miguel, a fez conectar ainda mais com este universo.  

Era o que faltava para o grupo buscar a especialização e, em meados de 2017 as duas conheceram Sanda Vargas e Luiz André Cherubini, fundadores do Grupo Sobrevento, que trabalham com Teatro para Bebê e produzem o festival Primeiro Olhar, totalmente voltado para o público de 06 meses a 3 anos. “Começou ai uma trajetória de pesquisa e aprendizado, que culminou na participação de uma oficina em Campinas com Sandra Vargas, que meses depois viria a Ipatinga, indicado pelo DaMa, por meio do projeto Oficinas Culturais – Trocas Coletivas, do diretor Claudinei de Souza”, aponta Daniela. 

Como fruto deste aprendizado surgiu um projeto piloto, que foi apresentado ao Instituto Usiminas e, por meio de sua Ação Educativa começou a ser realizada periodicamente no Centro Cultural Usiminas. 

Programação para junho

O resultado vem agora com a realização deste processo de formação, que começa agora em junho se estende até outubro. Na programação a realização de “Palestras Brincantes” e as oficinas: “Teatro para Bebês”, que propõe um mergulho no conceito e nas possibilidades de apresentar a arte para a primeiríssima infância; “Sons que encantam”, um convite para o compartilhar de experiências artísticas, envolvendo a percussão corporal e trabalhando a exploração das sonoridades e emoções por meio da escuta e  “Danças Circulares” que apresenta histórias circulares e as possibilidades de movimentos criativos usando carregadores ergonômicos. 

Além das palestras e oficinas, que são ministradas Daniela Alves, Júnio Hendrik, Mari Antonaci e Leila Cunha, com direção artística de Claudinei de Souza, o projeto apresenta também o espetáculo “Araruna”, que promove um encontro entre pais e seus filhos. Com duração de 40 minutos, fala do aconchego do ninho, da necessidade do voo e dos encontros do pássaro com o ar, a terra, a água, o fogo e as histórias.

O projeto teve início na segunda-feira (20/06) com “Palestras Brincantes” no Centro de Educação Infantil Mãe Dolores e Creche Ary Malta. A Creche Comunitária Pequeno Lar e  o Colégio São Francisco Xavier recebem a atividade nos dias 27 e 28 de junho, respectivamente. 

Para o dia 24 de junho encontram-se abertas as inscrições para a oficina “Teatro para Bebês”, que podem ser feitas gratuitamente pelo whatsapp da Ação Educativa do Instituto Usiminas (31) 98437.3330. A oficina é voltada para educadores, artistas, cuidadores e profissionais das áreas de saúde e ciências humanas.

Contatos:
Mari Antonacci ( 31) 98883.1056
Daniela Alves (31) 98799.2610

Produtoras executivas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentario!
Por favor, escreva seu nome aqui